quinta-feira, 12 de abril de 2012

Veni, vidi, perdidit

E lá vieram os portugueses em missão
E aqui viram a Cultura e não gostaram.
Derrubaram estatuas, derrubaram os corpos
mataram seus deuses e lhe venderam outro,
uma estatua loira de braços abertos no meio da clareira:
- Por que seu deus esta sangrando - disse o nativo.
- por que ele morreu para nos salvar - responde o português.
- E quem o matou?
- Fomos nós
- Por que?
- Este sacrificio veio para nós salvar
- Salvar de quê?
- Do inferno
- O que é isso?
- É um lugar horrivel que vão os pecadores, para queimar eternamente
- O que é um pecador?
- Pessoas que desrespeitam Deus
- Interessante, Nós temos um inferno aqui também, mas só queimamos frutas e animais, mas já que o Senhor insiste. Vamos leva-lo para a pedra do sacrificio e queima-lo no que ele chama de inferno
- Calma, por que vocês fariam isso?
- Estamos segundo seus ensinamentos, quem desrespeita Deus queima no inferno.

15 Diga lá::

Entretidoo.com disse...

Belo texto =)

Tauã Soares disse...

Muito bom o texto (:
sorte com o blog!


passa la? opinioespromundo.blogspot.com.br

palavras ao vento disse...

belas palavras....

Reload Aon disse...

Acho que é só colocar o nome de Deus que temos várias "versões" de tudo, vários caminhos a seguir, não sei explicar muito bem, o que importa é que gostei do texto, ficou muito bom. :P Parabéns.

reload-aon.blogspot.com

Asantix disse...

Olá,bem pensado este texto. Gostei quando o nativo perguntou o que era ser um pecador,eu pergunto;"O que é o pecado?
E depois o final,maravilhoso,leva-lo à pedra do sacrifício,puxa mas porquê eu!!!Obrigado pela partilha.
Abraços

Juliana Marques disse...

Ótimo texto Filipe. Adorei seu comentário no meu blog, assista Um Método Perigoso acho que você irá gostar! Pode deixar, sempre que resenhar alguma coisa te aviso!

Cíntia disse...

Interessante ;D

KGeo disse...

bom texto, adoro essas pequenas contradições

Wendell Ribeiro disse...

belo poema '-'

Ale Marques disse...

vc escreve muito bem!

parabéns pelo blog!

um abraço.

Interessante essa catequese dos portugueses com os índios.

os religiosos fazem diferente do que Jesus fez.

eles querem impor o que eles acreditam.

Jesus já convencia.

Guru do Metal disse...

bem interessante esse texto

Tauã Soares disse...

muito bom esse texto!



passa la? opinioespromundo.blogspot.com.br

eclipsedeideias disse...

Que lindo o texto, de essência única. Realmente legal, dificilmente acho blog's que tratam de assuntos assim ou demonstram uma riqueza ao escrever. Estamos carente de escritas claras como a sua! Gostei do blog.

Beki girl!

Tiago Bordin disse...

Muito bom texto, ensina a gente a dar valor as coisas que realmente valem a pena. Pena que tem pessoas que trocam os valores.
www.tiagoskaterock.com

Guru do Metal disse...

é em coisas assim que esse negócio de deus é meio duvidoso...

Postar um comentário