segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Oniausência


Enquanto estamos aqui orando por um Deus inconsciente,
esperando uma morte que queremos evitar
com ciência, mágica ou religião,
sem a consciência de que o sentido de existência
já deixou de existir antes mesmo de ser inventado
Perdemos a noção do espaço e das cores,
Criando novos espaços fúteis e cores falsas.
Culpando o Amor por nossas incapacidades,
Culpando o outro por suas limitações.





10 Diga lá::

Marília disse...

O ser humano sempre buscando razões pela sua existência, mas existe aqueles que vivem e nem se questionam, apenas vivem achando que a morte nunca lhe vai chegar.

Cafajeste Sedentário disse...

Concordo com o que a Marilia disse,apesar de ser um dos que não busca razões pela minha existência,apenas vivo um dia de cada vez

Abraão Braga disse...

Belo poema amigo,gostei do seu blog,se quiser faça-me uma visita também,escrevo poemas também!

http://www.abraao-braga.blogspot.com.br/

JannA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JannA disse...

A natureza humana em geral busca por álibis pra sufocar as fraquezas do seu eu.

http://paradoxoali.blogspot.com.br/

Dona Quixote disse...

Raul dizia é sempre mais facil achar que a culpa é do outro....e sempre o outro é Deus, Deus é uma figura q criaram pra colocar a culpa.

Morini disse...

Cara gostei muito do termi "Oniausência".

Marco disse...

a vida é um grande ponto de interrogação, se pararmos para pensar bem sobre ela.

e sobre a tua pergundo de onde eu encontro tantas bandas. bom... se eu disser minhas fontes meu blog perde a graça.

valeu por sempre ir lá.

referenciadareferencia disse...

Tentar racionalizar a existência é um erro tremendo, que só leva à angústia. Nos achamos muita coisa, o bastante para compreender a razão de existir, nisso inventamos a mais fantástica história ou nos tornamos racionais demais. O lado que é difícil de ver é que somos só mais uns animais aí, frutos da natureza, sem nada demais, mas que se acham criação de um ser perfeito.

Allisson Franklin disse...

como é que vai Felipe Dias?
orarei a Deus por voçê.
eu gosto mesmo de pensar que Deus existe
acho que minha vida fica melhor assim
a racionalidade às vezes é muito árida
acreditar que a vida é um milagre
nos faz ver tudo de outra forma
li seus poemas: amor, morte, tempo...
quero viver cem anos
gosto da obra que é sincera ao seu autor
por isso te admiro e te respeito
passa no meu blog de poesias
posto uma poesia nova geralmente às quartas
http://poesiatuttifrutti.blogspot.com.br/
passa lá

Postar um comentário